‘Leituras Comunitárias’ já estão sendo sistematizadas

A parceria entre a Prefeitura de Jacareí e a Faculdade de Tecnologia do Estado de São Paulo (Fatec Jacareí), para as Leituras Comunitárias, avança com resultados positivos para a revisão do Plano Diretor. O trabalho, supervisionado pela equipe de professores da UNIVAP, está sistematizando todas as informações colhidas junto à população durante os encontros.

As Leituras começaram no dia 15 de março e vão até sábado (2 de abril). A sistematização destes dados visa a construção de um diagnóstico social da cidade, que será utilizado para complementar o diagnóstico técnico de Jacareí, já realizado pela equipe da Prefeitura.

Essa parceria tem como objetivo contribuir para a evolução teórica e prática dos alunos dos cursos superiores de Tecnologia em Geoprocessamento e Meio Ambiente e Recursos Hídricos da Fatec Jacareí, especialmente nos assuntos relacionados ao planejamento da cidade e da gestão pública.

Nesta fase de Leitura Comunitária, em cada oficina é praticada uma dinâmica que promove o debate com a população sobre as potencialidades e problemas do município e dos bairros. Os participantes são divididos em grupos e podem se manifestar escrevendo seus apontamentos em papéis, que são colados em um painel e, também, desenhando no mapa da cidade e do bairro onde está ocorrendo a oficina. Ao final, um representante do grupo apresenta para todos, um resumo do que foi conversado com os demais.

Os alunos da Fatec têm a tarefa de transcrever as falas dos problemas e potencialidades do município e da região do morador, além de tabular os apontamentos, os questionários aplicados à população, e gerar mapas de localização das situações mencionadas em escala municipal e local, integrando de forma digital todas essas informações coletadas.

Aos alunos de Geoprocessamento, especificamente, é dada a oportunidade de utilizar técnicas para a aquisição e gerenciamento de dados espaciais necessários na produção de mapas, e de utilizar programas computacionais específicos para tratamento e análise de dados geograficamente referenciados. Aos de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, essa experiência ajuda na formação interdisciplinar, tecnológica e científica, para a atuação no planejamento e gerenciamento ambiental, e reforça a compreensão do meio social, político, econômico e cultural.

Pensamento Crítico

Nesse processo, além do suporte técnico prestado às atividades relacionadas à revisão do Plano Diretor, os alunos têm o pensamento crítico estimulado, sobre as questões urbanas e ambientais, unindo o aprendizado acadêmico às demandas reais da Administração Pública.

Participam dois alunos bolsistas do curso de Geoprocessamento, dois alunos bolsistas do curso de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, um aluno bolsista do curso de Geoprocessamento locado na Secretaria de Governo e Planejamento e um aluno voluntário do curso de Geoprocessamento. Esse tempo de trabalho vai entrar no cômputo de horas de estágio supervisionado obrigatório, exigido pela Fatec.

Para a arquiteta da Secretaria de Governo e Planejamento de Jacareí, Roberta Guerra Rosemback, que supervisiona os trabalhos, o aprendizado dos alunos tem sido enriquecido, ao levantar questões sobre o ordenamento territorial e gestão urbana, preparando-os para o mercado de trabalho.

Agenda de Leituras Comunitárias

Nesta terça-feira (29), as Leituras Comunitárias ocorrem às 19h, nos bairros Parque Califórnia, na EMEI Antônio Lellis Vieira (Avenida Dr. João Vítor Lamanna, nº 72), e Campo Grande, na EMEF Adélia Monteiro (Estrada Municipal Eugênio Bicudo, nº 35).

Na quarta (30), também às 19h, será a vez dos bairros Jardim Santa Maria, na EMEF Sílvio Silveira Mello Filho (Rua Dalton Siqueira Malta, nº 380), e Jardim das Indústrias, na EMEI Vicentina das Dores Queiroz (Avenida São Jerônimo, nº 1.100).

A agenda completa está aqui.

Legenda: As ‘Leituras Comunitárias’, que começaram no dia 15 de março e vão até sábado (2 de abril), já estão sendo sistematizadas