‘Dia Mundial em Memória das Vítimas de Acidentes de Trânsito’ é celebrado com plantação de mudas de árvores, no Parque Cassununga

Instituído pela Assembleia Geral das Nações Unidas, o Dia Mundial em Memória das Vítimas de Trânsito é comemorado anualmente, no terceiro domingo do mês de novembro. Em Jacareí, a data foi antecipada para esta sexta-feira (12), numa ação que reuniu as Secretarias de Mobilidade Urbana, Meio Ambiente e Zeladoria Urbana, e teve a presença do vereador Dudi e estudantes da rede municipal de ensino, no Parque Cassununga.

A data propõe uma reflexão sobre a conduta das pessoas na relação com o trânsito nas cidades, e o que causa tantos acidentes e tristezas no dia a dia. De acordo com dados da ONU, os acidentes de trânsito matam mais de 1 milhão de pessoas por ano, em todo o mundo. Além disso, a ação também homenageia aqueles que trabalham no trânsito das cidades, seja na organização do fluxo, segurança viária ou socorristas no geral.

Reflexão e compromisso

Presentes ao evento, Edinho Guedes, Secretário de Mobilidade Urbana de Jacareí, e o vereador Dudi, têm comum o triste fato de terem perdido familiares em tragédias viárias. Edinho perdeu a mãe, a professora Célia Guedes. Já Dudi perdeu o pai num acidente, na cidade de São Caetano do Sul.

Unidos pela dor, ambos assumiram compromissos sérios com a causa. Edinho reflete que o compromisso de Jacareí com a segurança viária e ações de educação no trânsito, reduziram o número de 25 óbitos na cidade em 2016, para 8 óbitos no ano corrente.

Já Dudi é o autor da Lei que instituiu o ‘Dia Municipal em Memória às Vítimas de Acidentes de Trânsito’, em Jacareí.

Colher os frutos

Aluno do 5º ano na EMEF Professora Adélia Monteiro, Pedro Augusto, de 10 anos, deu exemplo e pediu a palavra. Ele lembrou de um colega de escola que se acidentou de bicicleta e estava sem capacete, cobrou responsabilidade de todos e, ao lado dos amigos da sala, plantaram mudas de árvores no Parque Cassununga, em homenagem às vítimas de trânsito e todos aqueles que trabalham para um trânsito mais seguro. “É bom conversar para que a gente sempre lembre dos riscos e cuide da nossa cidade”, disse o garoto.

A fala faz eco ao que o Secretário de Mobilidade Urbana, Edinho Guedes, disse durante o ato: “É a educação que transforma. A gente trabalha muito e tem orgulho dos índices cada vez melhores, mas é plantando a somente da educação que nossas vias vão ser cada vez mais compartilhadas, e não disputadas. A ideia é o respeito”, encerrou.

 

Legenda: Ação em homenagem às vítimas de trânsito na manhã desta sexta-feira (12), no Parque Cassununga