Cidadania e Resistência: exposição sobre Festejos Populares está com visitação aberta no MAV

A mostra trata de expressões que foram passadas por gerações e os saberes ancestrais do nosso município

O Museu de Antropologia do Vale do Paraíba (MAV) inaugurou no sábado (19), mais uma exposição sobre as culturas tradicionais de Jacareí. Cidadania e Resistência – Festejos Populares e o Acervo do MAV está aberta para visitação de terça a sexta-feira, das 9h30 às 17h e, aos sábados, das 10h às 16h. A mostra trata de expressões que foram passadas por gerações e os saberes ancestrais do nosso município.

Estiveram presentes na inauguração o presidente da Fundação Cultural de Jacarehy (FCJ), Guilherme Mendicelli, o supervisor do MAV, Luiz Silva, representando a Diretora de Patrimônio, Selma Fernandes, afastada para a recuperação da Covid-19. Outras autoridades locais, além de funcionários e assessores da FCJ e da Prefeitura Municipal também prestigiaram a abertura.

O presidente da FCJ não escondeu o orgulho do trabalho da instituição na valorização dos saberes do município. “Além da Lei Mestre Cultura Viva, que celebrou sua primeira década de existência, devemos continuar com ações para que os que não conhecem os festejos, possam conhecer. Essa é a nossa missão: compartilhar e salvaguardar as tradições”, reforça Mendicelli.

Folia de Reis

O grupo Filhos do Oriente levou a Folia de Reis para a inauguração da exposição. A apresentação deu boas-vindas à mostra e ainda contagiou os presentes com as cores e alegria da manifestação.

Além da folia, os visitantes poderão conhecer em Cidadania e Resistência – Festejos Populares e o Acervo do MAV mais sobre as manifestações do Moçambique, Jongo, Festa do Divino, Procissão e a cultura dos tambores.

Legenda: inauguração da exposição Cidadania e Resistência – Festejos Populares e o Acervo do MAV no Museu de Antropologia do Vale do Paraíba, no sábado (19)