Nos meses de junho e julho, com a queda das temperaturas, a Secretaria de Assistência Social promoverá a ‘Operação Inverno’

A iniciativa visa intensificar as visitas feitas pela equipe de abordagem, sobretudo no período noturno, ofertando os serviços da Casa de Passagem.

Neste período do ano é importantíssimo essa ação devido ao enorme risco de hipotermia. Nossa equipe está preparada para fazer o possível para minimizar estes riscos”, explicou a secretária de Assistência Social, Patrícia Juliani.

Por isso, de 18 de junho a 31 de julho, as equipes farão uma nova ronda de abordagem, das 19h às 22h30, com o itinerário já traçado conforme reconhecimento de território nos mapas de abordagem social.

Caso a pessoa em situação de rua opte por aceitar os serviços ofertados, os mesmos serão encaminhados para a Casa de Passagem, onde terão banho, alimentação, pernoite e atendimento social de acordo com a demanda, no dia posterior.

Última operação: Realizada de 19 de junho a 31 de julho do ano passado, foram abordados 177 moradores de rua, sendo que 117 aderiram, representando uma efetividade de mais de 60%. Entre os principais locais visitados, a Praça do Riachuelo, Avareí, rodoviária, Fundação Cultural e Santa Casa tiveram a maior incidência de moradores de rua.

 (Victor Copola/PMJ )