De 14 a 20 de maio acontece a 16ª Semana Nacional de Museus, temporada cultural promovida pelo Ibram (Instituto Brasileiro de Museus), em comemoração ao Dia Internacional de Museus (18 de maio). Nessa edição, 1.130 museus de todo o país oferecem ao público 3.261 atividades especiais, como visitas mediadas, palestras, oficinas, exibição de filmes, entre outras ações.

Em Jacareí o MAV (Museu de Antropologia do Vale do Paraíba) preparou uma programação especial para as crianças – a gincana ‘Brincar de Arqueólogo’ também entre os dias 14 e 20 de maio, às 10h e às 15h .

Além desta atividade especial desenvolvida para as crianças, o MAV está com três exposições acontecendo simultaneamente em seu espaço, todas abertas ao público, de terça a sábado das 9h às 16h .

A exposição “Fragmentos do Homem Valeparaibano” faz um resgate da história de cidades como Jacareí, São José dos Campos e Santa Branca, por meio da arqueologia.

A exposição, chamada “AnalogiaEu” de Renata Ribero,  relata um sonho lúcido que ocorreu em uma noite de quarta-feira, no dia 18 de dezembro de 2014, em São José dos Campos, após uma meditação. A exposição revela uma obra pintada com linguagens e simbologias entre diálogos não ditos, formas, cores, substâncias, personagens e caminhos em uma nova terra de sentimentos arbitrários.

A “Exposição do Divino” tendo como tema a Festa do Divino Espírito Santo que é um culto ao Espírito Santo, em suas diversas manifestações, sendo uma das mais antigas e difundidas práticas do catolicismo popular.

A origem remonta às celebrações religiosas realizadas em Portugal a partir do século XIV, nas quais a terceira pessoa da Santíssima Trindade era festejada com banquetes coletivos designados de Bodo aos Pobres com distribuição de comida e esmolas.
Os divinos expostos no MAV fazem parte da coleção de arte sacra do Dr. Etzel.

O Museu de Antropologia do Vale do Paraíba (MAV) fica na Rua XV de Novembro, 143, na região central de Jacareí. 

(Assessoria de Imprensa/FCJ – Foto: Luiz Cepinho/FCJ)