‘2ª Virada da Mobilidade” segue com ações para aqueles que habitam, participam e circulam por Jacareí

A Prefeitura de Jacareí, por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana realiza nesta terça-feira (18), às 19h, a 2ª Audiência Pública “Redesenhando as linhas de transporte coletivo urbano”. O evento faz parte da ‘2ª Virada da Mobilidade’ e acontece na Sala Mário Lago, 122, Centro.

A intenção da audiência é oferecer aos munícipes a possibilidade de deslocamento, garantindo a máxima qualidade do sistema aos usuários. A ‘2ª Virada da Mobilidade’ está promovendo outras audiências públicas com o intuito de priorizar a escuta da população. Além do transporte coletivo, temas como transporte de passageiro por aplicativo, transporte de carga por aluguel  (caminhões) e transporte com veículos de tração animal (carroças)” também serão abordados.

Nessa segunda-feira (17) aconteceu no EducaMais Jacareí a palestra “Mobilidade sustentável e o futuro das cidades”, ministrada pelo consultor e conselheiro da Associação Transporte Ativo, Fábio Nazareth.

O profissional, que atuou também como coordenador de Comunicação do Instituto de Políticas de Transportes e Desenvolvimento (ITDP-Brasil), fez uma explanação sobre as vantagens da utilização de bicicletas para o transporte e locomoção das pessoas nas mais diversas situações, promovendo a mobilidade urbana, saúde e qualidade de vida.

“A mobilidade urbana é uma questão de todo mundo hoje. É um desafio para as cidades. Chamamos de transporte ativo, todo o tipo de transporte que se movimenta com a nossa própria energia, como bicicletas, patins, skates, entre outros. Precisamos levar bicicletas às pessoas cada vez mais. A questão do transporte impacta muito a vida das cidades. A bicicleta já foi um item de luxo no passado e foi do luxo à popularização. Depois veio o automóvel, que significava status para o proprietário, e mexer neste modal é muito difícil porque a sustentabilidade é algo complexo”, explicou o palestrante.

Durante a abertura da Virada, aconteceu também no EducaMais Jacareí, simultaneamente a palestra, outras ações da Mobilidade Urbana. Foram elas: “Mostra do Artes e Depois das ações para facilitar a Acessibilidade”, Exposição “Cidade que eu quero – Projeto Agente Mirim” e o Experimento Social “Sentindo na Pele”, onde os participantes vivenciaram a realidade de uma pessoa com deficiência visual.

Segundo a professora do 1° ano da EMEF Silvio Silveira, Patrícia Ristori, participar do experimento social foi interessante. “Aplicamos essas vivências nos nossos alunos e quando praticamos a vivência sensorial percebemos que não temos noção dos sentidos, achei interessante”.

Confira aqui a programação completa da ‘2ª Virada da Mobilidade’, de Jacareí. 

(Luciana Valadares/PMJ – Fotos: Alex Brito/PMJ)